Se, no final de 2019, me dissessem que 2020 seria um ano cheio de novos desafios, eu diria que é isso que se pretende num novo ano: novos desafios e novas oportunidades para fazer mais e melhor. No entanto, se me dissessem que 2020 ficaria marcado por uma pandemia global, não só não acreditaria como teria a certeza que isso só podia acontecer num filme de ficção científica, fruto da imaginação fértil de um argumentista ávido por sucesso.

2020 surpreendeu o mundo! Ninguém estava preparado para o Coronavírus nem para estados de calamidade e de emergência ou para confinamento e distanciamento social, mas a verdade é que tudo isso trouxe, de facto, novos desafios e, como já vimos, acelerou a transformação digital das empresas e alterou os comportamentos dos consumidores que estão, agora, mais digitais e muito mais exigentes.

2020 abriu as portas do mundo digital para muitas empresas que, até aqui, não reconheciam – ou tinham medo de reconhecer – valor às funcionalidades do marketing digital e às vantagens que poderia trazer para os seus negócios.

A pandemia mostrou que o futuro das empresas está online e, com 2020 quase a acabar, é tempo de começar a pensar no próximo ano, ainda que planear 2021 possa parecer uma tarefa ingrata – afinal não sabemos se a ficção científica se volta a confundir com a realidade!

E-COMMERCE E REDES SOCIAIS

Os consumidores renderam-se às compras feitas a partir do conforto de casa, evitando filas e aglomeração de pessoas. Este novo comportamento veio para ficar, ou seja, as compras online já deixaram de ser uma tendência e são, agora, uma realidade. Atentos a esta nova realidade, Facebook e Instagram lançaram lojas online dentro das suas plataformas, facilitando a experiência das marcas e dos clientes que podem continuar a interagir nas redes sociais e fechar a venda na mesma plataforma.

LIVES OU TRANSMISSÕES AO VIVO

Com o isolamento social, o contacto com o público diminuiu drasticamente e os lives ou diretos e as transmissões ao vivo foram acontecendo até tomarem conta das redes sociais. “Não perca o nosso direto às 21h!” é um dos anúncios que, certamente, já viu no Facebook e no Instagram e que irá continuar a ver em 2021. Porquê? Porque a proximidade com o público é muito maior e a interação entre marcas e clientes ocorre em tempo real.

VÍDEOS CURTOS

Nos últimos anos, o vídeo tem estado entre as principais tendências globais e é fácil de perceber porquê: os consumidores querem receber a informação da forma mais rápida e apelativa possível e o vídeo é o melhor formato para isso. Em 2020, mesmo com alguma polémica envolvida, o TikTok teve um crescimento de tal forma impactante que Facebook e Instagram decidiram lançar novas funcionalidades de vídeo nas suas plataformas. Em 2021, espera-se que estes vídeos curtos sejam cada vez mais utilizados pelas marcas para promover os seus produtos.

FOCO NA EXPERIÊNCIA DO CLIENTE

Clientes satisfeitos tendem a partilhar a sua experiência com familiares e amigos e essa é a melhor – e mais barata – publicidade para a sua empresa. E, ao contrário do que muita gente pensa, a experiência do cliente não termina quando a venda acontece. O serviço pós-venda é fundamental para manter e melhorar os níveis de satisfação dos clientes e esse é o foco para 2021: manter os clientes satisfeitos, sempre!

PESQUISA POR VOZ

A crescente utilização dos telemóveis para pesquisar informação tem influência direta no aumento das pesquisas por voz e isto explica-se numa só palavra: facilidade! Não há nada mais fácil do que pegar no telemóvel e falar. “Ok, Google”, “Siri” e “Alexa” são expressões que vamos ouvir cada vez mais e, por isso, o SEO dos conteúdos das marcas tem de ser trabalhado para que o Google entenda o que é relevante.

PERSONALIZAÇÃO

Conhece alguém que não goste de se sentir especial? Há pouco tempo atrás, um email personalizado com o nome do cliente era suficiente para que ele se sentisse especial, mas hoje isso não chega. Atualmente, os consumidores estão mais exigentes e as empresas têm de responder às necessidades e expetativas de cada um dos seus clientes. Se se está a perguntar como é que pode saber o que cada um dos seus clientes quer, é simples: tem de os conhecer! E para isso nada melhor do que utilizar ferramentas de automação para recolher informação que permita a criação de conteúdos personalizados e relevantes para os seus clientes.

MICRO INFLUENCIADORES

O marketing de influência não é uma novidade, mas tem vindo a mudar: inicialmente, eram as celebridades a promover determinada marca ou produto, depois essa promoção passou a ser feita por quem tivesse milhões de seguidores – os influencers – e em 2020 começou a ser feita pelos micro influenciadores. Quem são afinal estes micro influenciadores? São pessoas com poucos seguidores, mas que estão de tal forma ligados ao seu público que têm as mesmas expetativas e necessidades. Se um micro influenciador disser que um determinado produto é o melhor, os seus seguidores vão confiar e querer o mesmo produto.


Estas são apenas algumas das tendências de marketing digital para 2021. Convém relembrar que esta é uma área em constante transformação e novas tendências podem surgir a qualquer momento. Por agora, o mais importante está feito: já conhece as principais tendências para 2021 e pode preparar a sua empresa para o que aí vem! Se precisar de ajuda para definir a sua estratégia de marketing digital, fale connosco.