Devido à pandemia da COVID-19, causada pelo Coronavírus, várias empresas já aderiram ao regime de teletrabalho. Isso significa que a saúde dos seus funcionários e de toda a população é a prioridade no momento. É um ato de cidadania, empatia e solidariedade, onde todos devemos valorizar essa atitude e nos esforçar.

Apesar de não ser exatamente uma novidade, o teletrabalho ainda gera muitas dúvidas. Afinal, o que é o “teletrabalho”? É trabalhar à distância, na maioria das vezes, a partir da própria casa do colaborador. Essa modalidade é cada vez mais possível devido ao constante avanço das tecnologias da informação e comunicação.

Trabalhar a partir de casa tem as suas vantagens: você pode trabalhar com a roupa que quiser, deslocamentos são evitados e, por muitas vezes, pode ser mais focado e eficiente. No entanto, distrações acontecem: o cãozinho quer passear, tarefas domésticas aparecem a toda hora, os filhos querem atenção… então, como manter-se motivado? Como continuar a entregar a mesma eficiência de trabalho? Calma. É tudo possível.

Todas as pessoas que trabalham remotamente devem valorizar 3 importantes fatores: onde trabalhar, quando trabalhar e como estabelecer limites.

A maior parte da equipa Páginas Amarelas trabalha lado a lado, mas temos também colaboradores remotos. Na semana passada, partilhámos nas nossas redes sociais 6 dicas sobre o trabalho remoto e 7 ferramentas do Office365 que tornam tudo mais fácil. A partir da minha experiência, aprofundo esse assunto e acrescento alguns pormenores que me ajudam a permanecer sã e produtiva durante esse cenário de pandemia. Espero que te ajude também! :)



Fique confortável!
1. UM ESPAÇO CONFORTÁVEL PARA CHAMAR DE SEU
É difícil manter a concentração e produtividade quando se está constantemente com as costas doloridas ou forçando os olhos para enxergar a tela do computador. Então é importante encontrar um ambiente dentro de casa com uma boa iluminação, uma mesa que possa ser dedicada exclusivamente ao teletrabalho e (superimportante) uma cadeira confortável. Lembre-se de manter este espaço limpo e organizado, e não misturar os itens pessoais com os itens de trabalho.


Comece cedo!
2. COMECE CEDO: PENSE QUE ESTÁ A ENTRAR NO ESCRITÓRIO
Faça tudo o que você faria normalmente como se não estivesse em regime de teletrabalho. Não deixe os “mais 5 minutinhos” na cama te desmotivar só porque está em casa e é perto se locomover do quarto para a mesa. Defina e respeite o seu alarme, aproveite o seu pequeno-almoço e se arrume. Tenha uma rotina diária de horários bem definida com a sua equipa e cumpra-a.


Faça a sua checklist!
3. UM DIA ESTRUTURADO É UM DIA PRODUTIVO
Estabeleça o seu horário de início, intervalos e fim de expediente. Crie diariamente uma lista de tarefas que você precisa concluir. Trabalhe com metas! Defina com a sua equipa as prioridades junto com a sequência de execução e não se preocupe caso ocorram mudanças ao longo do dia. À medida que avança, lembre-se de marcar as tarefas finalizadas. A ferramenta que utilizo para me ajudar é o Trello.


Foca no trabalho!
4. FOCA NO TRABALHO!
Estar em casa pode ser um paraíso para as distrações. Como diz a primeira lei de Newton, o princípio da inércia: se você estiver em movimento, ficará em movimento. Se você estiver em repouso, ficará em repouso. Pessoas ocupadas estão em constante movimento, e isso pode ser o diferencial no avanço das tarefas. Nessa altura, o foco faz toda a diferença frente aos imprevistos que virão.


Limites!
5. ESTABELEÇA LIMITES
Pode haver pessoas na sua casa que, por mais que você explique, elas não percebem que o teletrabalho é sim trabalhar! Portanto, informe a todos os seus roommates, irmãos, pais, cônjuges e animais de estimação (bem, talvez não os pets) para que respeitem o seu espaço durante o seu horário de trabalho, a menos que seja uma emergência. Só porque está a trabalhar de casa, não significa que “está em casa”. Feche a porta ou coloque uma placa se necessário.


Super-comunicar!
6. SUPER-COMUNICAR
Trabalhar remotamente exige que você se comunique MUITO. Informe com frequência a todos que precisam saber da sua programação e disponibilidade. Comunicação constante não significa explicar cada um de seus movimentos, afinal, ninguém precisa saber da sua ida à casa de banho. Mas, quando terminar um projeto ou uma tarefa importante, diga. Além de manter a equipa informada, é importante reforçar para si mesmo que você está realizando um bom trabalho, ou seja, you got this!


Hidratação e Snacks!
7. HIDRATAÇÃO E SNACKS
Assumo que, em pleno século XXI, todos já estão carecas de saber que beber água é importante, mas é sempre bom reforçar. Lembre-se de hidratar-se, tenha uma garrafinha de água perto de si. Ah! Lanches também são bem-vindos, afinal, não terá à disposição aquele colega com uma gaveta repleta de bolachas e chocolates para te socorrer quando bater aquela vontade.


Exercite-se!
8. DESCANSE O SEU CÉREBRO
É tentador trabalhar o tempo todo, contudo, respeite a sua rotina. Se você estivesse no escritório, provavelmente não ficaria na sua mesa por 8 horas seguidas. Conversaria com um colega, teria o momento do café ou iria tomar um ar fresco. Bem, agora deve manter a boa prática. E convenhamos, percorrer o feed do Instagram ou assistir um vídeo no YouTube não contam como pausas! Use esses momentos para se afastar da sua mesa. Levante-se, alongue-se, converse com alguém em casa.


Cozinhe na hora certa!
9. MASTERCHEF NA HORA CERTA
Essa é para os cozinheiros de plantão. Evite usar os seus minutos preciosos do horário de almoço para cozinhar. Assim, vai acabar perdendo boa parte do seu intervalo e ter que comer correndo. Preparar os alimentos com antecedência garante que você possa usufruir da sua pausa para comer e descansar, e não gastar mais energia.


Log-out!
10. LOG OFF!
Cuidado com a falsa impressão de que o teletrabalho estabelece mais equilíbrio entre o trabalho e a vida pessoal. É como um casino: você fica tão envolvido na sua tarefa, num ambiente agradável, que perde por completo a noção do tempo. Uma boa ideia é programar um alarme. Não precisa parar exatamente quando o alarme tocar, mas tenha em mente que o seu horário de trabalho acabou e que precisa finalizar o dia. Não importa o local, desconectar é importante para criar o equilíbrio.



Dicas Plus!


Música é vida!
TELETRABALHO RHAPSODY
Já ouviu aquela frase: “A música lava da alma a poeira do dia a dia”? Ok, admito que é meio piegas, mas convenhamos, é verdade. Por exemplo, as soundtracks dos videogames são projetadas para o ajudar o jogador se concentrar. Enquanto trabalha, experimente ouvir uma música instrumental que corresponda à energia do seu projeto atual. Isso ajuda-me imenso a manter o foco. A minha equipa de Brand and Communication recomenda essa.


Boas vibes!
BOAS VIBES À DISTÂNCIA
O isolamento nessa fase em que enfrentamos pode ser solitário e gerar ansiedade em alguns colegas. Utilize daquele chat de equipa para fazer uma piada, partilhar uma imagem engraçada, se conectar e descontrair. Mesmo que você seja uma pessoa introvertida, experimente interagir. Abrace os gifs e claro, não esqueça de escolher o seu emoji favorito. Tente se manter positivo, por você e pelos outros.


Empatia e paciência
EMPATIA & PACIÊNCIA
Alguns dos seus colegas podem ter zero experiências em trabalho remoto e estar nesta modalidade pela primeira vez. Mostre paciência e apoio para com eles. Haverá distrações, pode ser que o VPN ou a Internet caia, os acessos compartilhados podem vir a apresentar lentidão... seja compreensivo e não exerça pressão sobre os seus colegas. A crise mundial em si já é desconfortável o suficiente e algumas pessoas podem não lidar com isso tão bem quanto você.


Netflix and Chill
NETFLIX AND CHILL!
Terminar um dia de trabalho é motivo de comemoração! Mantenha a inspiração diária após log-out. Aproveite o tempo que levaria deslocando-se a casa para preparar uma deliciosa comida, tomar um banho quente, assistir aquela série que está atrasada, ler um livro ou até visitar galerias de museus online. Estimule a sua mente e faça algo agradável para o seu lazer.



.