Ter uma marca forte e reconhecida é um dos objetivos de qualquer empresa, independentemente da área de atividade e da dimensão. É através da marca que as pessoas se identificam com o seu negócio e é nela que pensam quando precisam de determinado produto ou serviço, mas, num mercado cada vez mais competitivo, como é que a sua marca se destaca de todas as outras e se mantém viva na memória dos consumidores?

A resposta está na identidade visual da sua marca! Pense numa pessoa: a forma como fala, a maneira como se veste, o tom da voz ou determinadas atitudes ajudam a perceber a personalidade dessa pessoa, certo? Com as marcas acontece a mesma coisa: há um conjunto de elementos que refletem a personalidade da sua marca, tornando-a única e inesquecível.

Mas então o que é a identidade visual? É o logotipo? São as cores vibrantes? É o nome escolhido? Bem, a identidade visual é tudo isto e muito mais! Continue a ler e explico-lhe todos os passos para criar uma identidade visual forte para a sua marca.


Identidade visual: o que é e porque é importante?

Quando falamos em marca, o primeiro elemento visual que nos vem à cabeça é o logotipo e, por isso, é muito comum pensar que logotipo e identidade visual são a mesma coisa. Não são e até já falei disso noutro artigo, lembra-se?

Criar um logótipo é apenas um pequeno passo para o desenvolvimento de uma identidade visual sólida e completa. Quer um exemplo? Pense na Coca-Cola. Consegue imaginar o logótipo da Coca-Cola com outro tipo de letra ou noutra cor?

Identidade Visual - Definição

A identidade visual é muito mais do que juntar um símbolo bonito a um nome sonante. Juntos, todos os elementos da sua identidade visual contam a história da sua empresa - quem é e o que a diferencia das demais - e, por isso, tem de refletir os valores e a visão do seu negócio, caso contrário arrisca-se a confundir ou até mesmo desiludir a sua audiência. Confuso? Pense comigo: se comprar um Ferrari, espera um carro rápido e potente, certo? É isso que a marca, com o símbolo do cavalo e a cor vermelha, transmite. Se comprasse um Ferrari e não conseguisse ultrapassar um carro de outra marca qualquer em menos de 5 segundos, não ficava desiludido?

Trabalhar a identidade visual da sua marca, de forma séria e consistente, é fundamental para que o seu público consiga:
  • identificar-se com a sua marca e envolver-se com o seu negócio;
  • reconhecer valor à sua marca e confiar nos seus produtos/serviços;
  • sentir que pertence à cultura criada pela sua marca.

Agora que já percebeu o que é a identidade visual e porque é importante para a sua marca, continue a ler e veja todos os passos para criar uma identidade visual de sucesso. Vamos a isso?


6 passos para criar a identidade visual do seu negócio

Se uma imagem vale mais do que mil palavras, uma identidade visual vale um milhão! Mas lembre-se:  para criar uma identidade visual forte, é preciso mais do que combinar cores e símbolos. Então, por onde começar? Veja todos os passos a seguir:

PASSO 1 – PENSE NO SEU NEGÓCIO

A identidade da sua marca deve refletir as suas ideias e os seus valores. É esse lado mais humano do seu negócio que atrai o seu público e o leva a interagir com a sua marca.
Responda à pergunta: Quais são os valores da sua empresa?

PASSO 2 – DEFINA O SEU PÚBLICO-ALVO

Saber quem é o seu público e o que espera do seu negócio é fundamental para criar uma identidade visual, até porque, se não sabe para quem fala, como é que transmite a mensagem certa?
Responda à pergunta: Quem vai comprar os seus produtos ou serviços?

PASSO 3 – IDENTIFIQUE A SUA CONCORRÊNCIA

A sua empresa até pode vender os mesmos produtos que a concorrência, mas não é nem nunca será igual a nenhum outro negócio.
Responda à pergunta: O que torna a sua empresa única na sua área de atividade?

PASSO 4 – ENCONTRE A PERSONALIDADE DA SUA MARCA

A sua identidade visual deve comunicar de forma muito clara a personalidade da sua marca. A sua marca é moderna e divertida ou mais tradicional? A sua identidade deve refletir as suas características marcantes.
Responda à pergunta: Que adjetivos quer que o seu público associe à sua marca?

PASSO 5 – DESENHE O LOGOTIPO

As marcas de sucesso são facilmente reconhecidas pelo seu logótipo e, por isso, é fundamental que este seja fácil de memorizar e se diferencie da concorrência. Escolher os elementos certos para o seu logótipo – a cor, o tipo de letra, o símbolo – pode não ser tão rápido como espera. Porquê? Porque o logótipo é parte da sua identidade visual e, como tal, deve estar alinhado com os restantes elementos da sua identidade.
Responda à pergunta: Que elementos identificam melhor a sua marca?

PASSO 6 – PENSE EM TODOS OS PONTOS DE CONTACTO

Cartões de visita, website, redes sociais, brindes, e-mails, embalagens, decoração da loja... A sua identidade visual deve ser consistente em todos os pontos de contacto com o seu público-alvo.
Responda à pergunta: Como é que o seu público poderá interagir com a sua marca?



4 elementos essenciais na criação da identidade visual

Como já vimos, criar uma identidade visual passa por juntar diferentes elementos visuais que, quer em conjunto quer isolados, levam à identificação da sua marca.

Assim, e como referi anteriormente no passo cinco, todos os aspetos da sua identidade visual devem estar alinhados e perfeitamente interligados entre si. Quer isto dizer que há elementos que devem ser definidos, de forma a manter a consistência e a força da sua marca:

CORES

A definição de uma paleta de cores é fundamental no processo de criação da sua identidade visual, já que comunicam e despertam emoções:

Vermelho: entusiasmo, força, energia e perigo
Laranja/amarelo: alegria, simpatia, criatividade e confiança
Verde: natureza, saúde, crescimento, frescura e riqueza
Azul: estabilidade, confiança e segurança
Roxo: autoridade, sofisticação, mistério e criatividade
Castanho: maturidade, robustez e calor
Preto: potência, elegância, prestígio e valor
Branco: limpeza, pureza, paz, serenidade e tranquilidade

As cores certas para o seu negócio são aquelas que vão ao encontro dos valores da sua marca e da mensagem que quer passar.
Dica: defina uma cor principal, duas cores primárias e entre três e cinco cores complementares para que a paleta de cores da sua marca seja flexível e criativa.


TIPOGRAFIA

Os tipos de letra dão graça e personalidade aos textos e, tal como as cores, também eles podem ser associados a sensações:

Serif: formal, confiante, maduro, prestígio, altamente legível
Sans serif: informal, agradável, moderno, chique
Slab serif: robusto, forte
Script: formal, elaborado, especial
Manuscrita: pessoal, criativo, único

A escolha dos tipos de letra para a sua marca deve, mais uma vez, estar alinhada com as características da sua empresa.
Dica: escolha no máximo três tipos de letra e defina a sua utilização – título, subtítulo, corpo do texto, etc.


FORMAS

Corro o risco de me tornar repetitiva, mas, tal como as cores e os tipos de letra, também as formas geométricas despertam diferentes emoções:

Círculo: união, amizade, relacionamentos
Triângulo: inspiração, equilíbrio, suporte, poder
Quadrado: firmeza, estabilidade
Linhas horizontais: tranquilidade, calma
Linhas verticais: superioridade

Qual a forma que melhor se adequa às características do seu negócio? Mais uma vez, esta escolha está 100% dependente das características da sua marca.
Dica: pense em todas as aplicações da sua imagem e garanta que a forma escolhida é facilmente percecionada em todos os formatos e dimensões.


ICONOGRAFIA

Os ícones até podem ser vistos como um simples detalhe, mas lembre-se que é nos detalhes que está a diferença! E a Google é o melhor exemplo disto: não vê o nome da marca em lado nenhum, mas sempre que vê os ícones da imagem abaixo, não têm dúvidas que fazem parte da Google, pois não?


Iconografia Google


Os ícones irão complementar a comunicação da sua marca em peças online e offline e, por isso, não devem ser descuradas.
Dica: há vários websites que lhe permitam descarregar ícones totalmente grátis. Escolha os que melhor se adequam à sua imagem e adapte-os às cores da sua marca.



Estatísticas Branding | VISME


Agora que sabe todos os passos para criar a identidade visual da sua marca, já pode começar a trabalhar na sua estratégia de marca. Se já tem uma identidade definida, tire uns minutinhos e pense na sua marca. Lembre-se que nada é estanque e, por isso, faça uma breve análise e responda a perguntas simples como: os seus valores ainda são os mesmos? A sua imagem transmite os seus valores? O seu público-alvo é o mesmo?

Caso precise de ajuda nesta análise, fale connosco! Podemos ajudá-lo a identificar oportunidades de melhoria e trabalhar consigo na criação da identidade visual do seu negócio.